Aprenda a Explorar e a Conhecer Inteiramente o Seu Corpo

“Nenhuma mulher beneficia de não aprender ou aprender pouco sobre o seu corpo.”
(Jen Gunter, The Vagina Bible).

Iniciamos este artigo com algumas questões. Alguém lhe mostrou como é o seu corpo? Alguém lhe ensinou a importância de o conhecer e como funciona? Provavelmente, não.

O conhecimento do seu corpo e do seu funcionamento, sem medos ou preconceitos, irá dar-lhe poder, enquanto mulher, sobre a sua saúde e bem-estar. Comecemos por perguntar-lhe o seguinte: sabe a diferença entre vulva e vagina?

A vulva corresponde ao exterior, isto é, ao que toca na sua roupa, e a vagina corresponde ao interior (onde se introduz o pénis ou os dedos durante o ato sexual e por onde nasce o bebé). Uma curiosidade: sabia que «vagina» em latim significa «bainha»?  

Tal como a mulher, a vulva desempenha diversas funções (uma verdadeira multitasker). Ela protege a abertura vaginal; é um órgão de prazer sexual; lida com a irritação da urina e das fezes; e permite o nascimento de um bebé, regenerando como se nada tivesse acontecido.

A vagina, por seu turno, é um tubo que conecta a vulva ao colo do útero, sendo formada por uma mucosa especializada, que é rugosa, daí algumas mulheres poderem ter a perceção de rugas ou de «altos» quando introduzem o dedo na vagina.

Alguma vez observou a sua vulva ao espelho? A verdade é que a maior parte das mulheres não tem por hábito fazê-lo. No entanto, se todos os dias, ao sairmos de casa, nos vemos ao espelho, porque não o fazemos em relação aos nossos órgãos genitais (de forma a estarmos mais aptas a identificar alguma anormalidade, e não só)? Trata-se de uma ferramenta de conhecimento do nosso corpo, e pode ser-nos verdadeiramente útil.

É também importante que saiba que não há normalidade na estética da vulva. Isto é, não existe um tamanho normal dos lábios (grandes e pequenos lábios), nem tão pouco existe simetria.

Mantendo a observação da vulva ao espelho, irá reparar que, ao redor dos três orifícios (uretra, vagina e ânus) está uma camada de músculos – designada de músculos do pavimento pélvico –, que se localiza no fundo da sua bacia, sendo também designada de períneo.

Os músculos do pavimento pélvico têm como funções:

  • O encerramento dos três orifícios (uretra, vagina e ânus), mantendo a continência urinária e fecal;
  • A função sexual;
  • O suporte dos órgãos pélvicos e abdominais.

É crucial que saiba contrair e relaxar estes músculos, de forma a garantir uma boa saúde pélvica. Abaixo, encontra uma breve explicação de como pode fazê-lo em casa. Vamos experimentar?

Passo 1: Coloque-se numa posição confortável, com o espelho em frente à sua vulva (sentada ou na posição de pé com um dos pés em cima de uma cadeira/banco).

Passo 2: Introduza um dedo na sua vagina.

Passo 3: Agora, aperte o seu dedo, como se estivesse a fechar as portas de um elevador.

Passo 4: Deve sentir o apertar e o subir do seu dedo (fechar as portas do elevador e subir o elevador).

Passo 5: Lentamente, relaxe a musculatura. Deverá deixar de sentir o apertar do dedo e este volta a descer.

Conseguiu?

Uma nota final, mas muito importante: se sentir dor ao introduzir o dedo na sua vagina, ou se não conseguir realizar este exercício, deverá procurar uma fisioterapeuta especialista em saúde pélvica, para que seja possível encontrar soluções que lhe possam valer uma vida íntima e sexual mais feliz e saudável.

Por Ana Sofia Pires (fisioterapeuta da mulher e cofundadora do gabinete FisioDuasMãos | Fundadora da página @fisio_mulher_e_mae)

Ler Mais
Scroll to Top

Alerta para atrasos das
entregas devido ao COVID-19

Todas as nossas encomendas são processadas com o maior cuidado. Devido à situação actual em que nos encontramos, os nossos prazos de entrega passam a corresponder a 5-8 dias úteis para Portugal Continental e Ilhas. Encomendas para o resto do mundo demorarão 10-15 dias úteis. Agradecemos a sua compreensão. E enquanto a sua encomenda não chega… aproveite para ir lendo os nossos artigos.