Porque Temos Tanta Vontade de Comer Doces?

“Quando acabo de comer apetece-me tanto um doce…”. Pois é, esta é uma frase clássica. Já a disse, não foi? Realmente existe uma razão fisiológica para tal acontecer. Mas vamos desconstruir isto.

A razão por de trás desta vontade de comer doces chama-se serotonina. Este palavrão denomina um neurotransmissor responsável pela sensação de fome, pelo sono e pelo humor. Logo, este acaba por ser essencial para não nos tornarmos num monstro mal disposto e insociável, cheio de fome e de sono, certo?

Como é que garantimos níveis altos de serotonina? O primeiro passo é o exercício físico. Depois, com a ajuda da alimentação. Ao consumirmos hidratos de carbono simples, ou seja, de absorção rápida, vamos aumentar a concentração de triptofano no cérebro e, assim, de serotonina também (porque o triptofano transforma-se em serotonina). É por isso que comer doces nos dá uma sensação de bem-estar. Mas é uma sensação muito transitória e completamente dependente da quantidade de alimento ingerida. Porém, a solução não é entupirmo-nos de açúcar, certo?

Não devemos ceder ao facilitismo. Se tirarmos o açúcar da nossa alimentação deixamos de ter esta dependência/vontade. Isto porque o corpo tanto se habitua a ter açúcar rápido (que se transforma em serotonina rapidamente), como também se habitua a que as quantidades de serotonina sejam desencadeadas de forma mais lenta, natural e saudável.

Não substitua a vontade de comer doces por opções light. Os edulcorantes não aumentam a concentração de serotonina e, por isso, a busca por açúcar não pára.

Percebe agora o porquê de nos sentirmos com sono e moles depois de uma almoçarada? Culpa da serotonina.

Ler Mais
Scroll to Top

Alerta para atrasos das
entregas devido ao COVID-19

Todas as nossas encomendas são processadas com o maior cuidado. Devido à situação actual em que nos encontramos, os nossos prazos de entrega passam a corresponder a 5-8 dias úteis para Portugal Continental e Ilhas. Encomendas para o resto do mundo demorarão 10-15 dias úteis. Agradecemos a sua compreensão. E enquanto a sua encomenda não chega… aproveite para ir lendo os nossos artigos.