Envios Gratuitos em encomendas nacionais superiores a 150€

13 de Setembro, 2021

Pequenas mudanças podem fazer uma grande diferença. Ser ambientalmente consciente é sobre fazer escolhas diárias que irão determinar o sucesso ou o fracasso da nossa espécie. Podemos ser mais generosas com o planeta e estar mais conscientes sobre como reduzir a poluição, proteger a vida selvagem, conservar os recursos naturais e adotar novos hábitos para ajudar a diminuir o ritmo das mudanças climáticas. Como? Reduzindo a quantidade de lixo que criamos e reaproveitando bens de consumo. 

Explore a sua criatividade e siga as dicas que lhe deixamos abaixo para despertar o seu lado mais ecológico. Só há um planeta Terra. Por isso, faça escolhas inteligentes.  

1. DÊ UM NOVO PROPÓSITO ÀS COISAS

Não há nada como dar uma segunda oportunidade às coisas. As embalagens vazias de plástico e os frascos de vidro, por exemplo, podem ser reutilizados facilmente. Um dos principais problemas do plástico é o facto de demorar demasiado tempo a degradar-se, portanto, se não puder evitar comprá-lo, tente, pelo menos, dar-lhe uma nova vida.  

2. REDUZA O CONSUMO DE CARNE

Talvez fique surpreendida ao descobrir que a criação de animais é uma das principais contribuidoras para as mudanças climáticas. A produção de carne e de lacticínios é responsável por 14,5% dos gases que causam o aquecimento global. A par disso, as florestas tropicais estão a ser destruídas para dar lugar à soja, muito usada para alimentar aves de criação industrial. 

Um estudo de 2018 revelou que eliminar o consumo de carne e de produtos lácteos pode reduzir a nossa pegada ecológica individual em 73%. Peça ajuda a um nutricionista antes de eliminar por completo estes alimentos da sua dieta e, a pouco e pouco, procure experimentar algumas receitas vegetarianas ou veganas, antes de decidir fazer uma abolição de ingredientes de origem animal por completo. 

3. COMPRE PRODUTOS DE EMPRESAS SUSTENTÁVEIS

Para nos fornecerem produtos mais baratos, muitas marcas economizam, prejudicando as pessoas e o planeta. Não raras vezes, são as populações mais pobres do mundo que suportam o maior impacto. Assim, quando desejar comprar algo novo, tente chegar a marcas que sejam transparentes sobre os materiais que usam e as condições de trabalho que proporcionam aos seus funcionários. Informe-se antes de fazer as compras que, antigamente, não questionava. 

4. AJUDE AS ABELHAS

Sabia que as abelhas são uma poderosa fonte de polinização e contribuem para o crescimento das flores, das árvores e das plantas? Muitas são as espécies naturais que precisam das plantas para se alimentarem e refugiarem, e a abelha é fundamental nesse processo. São vários os cultivos agrícolas que também dependem das abelhas. Transforme o seu jardim e contribua para a vida destes insetos, plantando lavandas, madressilvas e erva-dos-gatos. 

5. CAMINHE MAIS

É imperativo reduzir as emissões de dióxido de carbono. A forma mais fácil de o fazer? Andar a pé ou de bicicleta. Menos carros na estrada são sinónimo de menos poluição. Sempre que os caminhos forem curtos e a meteorologia o permitir, opte por caminhar até ao seu destino em vez de conduzir. Pode pensar que esse gesto não tem poder suficiente para fazer a diferença, mas quantas mais vezes o fizer, maior será o seu impacto positivo. Além disso, caminhar é uma excelente forma de esvaziar a sua mente e libertar-se das tensões do dia a dia, através da produção de endorfinas, hormonas ligadas à felicidade. 

6. TORNE A SUA ROTINA DE BELEZA MAIS ECOLÓGICA

Desmaquilha-se todos os dias com lenços desmaquilhantes? Limpa a cara com discos de algodão descartáveis? Usa cremes e séruns que têm demasiados químicos na sua composição? Se respondeu afirmativamente a pelo menos uma destas questões, está na hora de fazer uma revolução na sua rotina de beleza e torná-la mais ecológica (e saudável).  

O cultivo de algodão é considerado um dos mais poluentes do mundo, devido ao uso intenso de inseticidas, os químicos mais perigosos para a saúde humana e animal. Tanto os discos desmaquilhantes como as toalhitas descartáveis contribuem em larga medida para destruir os recursos naturais do planeta. O melhor é substituí-los por opções reutilizáveis: discos de crochet, sabonetes, óleos naturais ou toalhitas reutilizáveis. 

Opte por usar produtos com ingredientes delicados e evite fórmulas com microplásticos, que podem acumular-se nos oceanos durante anos. Existem alternativas naturais como o óleo de coco, o sal marinho e o bambu, por exemplo. Olhe para os rótulos antes de fazer as suas compras. 

Related Posts