0
0
Subtotal: 0.00

Nenhum produto no carrinho.

O Que é, Afinal, a Gaguez?

Genericamente, todas sabemos o que é a gaguez. Mas será que sabemos do que realmente se trata? Quais as suas principais caraterísticas? Se tem tratamento? E, acima de tudo, será que sabemos como devemos lidar com alguém que sofre de gaguez?

É provável que as respostas a estas perguntas sejam “não”. Por essa razão, hoje debruçamo-nos sobre o tema, para derrubar mitos e deixar esclarecimentos valiosos sobre esta perturbação no ritmo da fala. A gaguez afeta cerca de 68 milhões de pessoas em todo o mundo (1% da população mundial). Em Portugal, ela atinge, em média, aproximadamente 100.000 pessoas. De acordo com a Organização Mundial de Saúde, a gaguez é, nada mais nada menos, do que uma alteração no ritmo da fala.

Quem sofre de gaguez sabe o que quer dizer, mas é, frequentemente, incapaz de o fazer devido a movimentos involuntários da face e do corpo. Além disso, o discurso é marcado por prolongamentos, bloqueios, palavras partidas e repetições de sons, sílabas e/ou monossílabos. Em algumas situações, o indivíduo recorre a várias palavras para substituir a palavra “problemática” (circunlóquios). A origem da gaguez pode ser genética, neurológica e/ou psicossocial. E não, a gaguez não pode ser causada por um susto ou trauma.

Tratamento:

A gaguez pode não ter cura, mas há vários tratamentos que ajudam a atenuar os seus efeitos. Independentemente da idade, com a ajuda de um terapeuta da fala, é possível dotar o indivíduo de estratégias que melhoram a fluência do seu discurso e, principalmente, eliminam o medo de comunicar.

Como lidar com alguém que sofre de gaguez?

Muitas vezes, quando estamos perante alguém que gagueja ficamos sem saber como reagir, tentamos terminar as frases da outra pessoa e, ainda que sem má intenção, acabamos por aumentar o desconforto que, eventualmente, quem gagueja já sente. Portanto, há algumas atitudes que devemos assumir numa situação deste género:

  • Não dizer frases como: “Fala mais devagar”; “Tem calma”;  “Respira fundo”; “Pensa antes de falar”, etc. Tal não ajuda, pois não é por essas razões que a pessoa gagueja. Logo, essas observações só aumentam a sua frustração.

  • Não terminar as palavras ou frases da pessoa, nem falar no lugar dela. Mais uma vez, essa atitude vai contribuir para frustrar e baixar a autoestima do outro.

  • Esperar para falar e ouvir o outro. Manter o contacto visual; estar atento; e não interromper são estratégias que ajudam a pessoa que gagueja a ter um discurso mais fluido.

  • Falar calma e pausadamente. Ter um discurso demasiado acelerado pode dificultar a comunicação com o outro, imprimindo-lhe essa mesma rapidez e velocidade, o que se torna prejudicial para ele.

  • Focar-se no conteúdo da mensagem. Ainda que o discurso possa não ser fluido, o conteúdo da mensagem pode ter todo o interesse. Portanto, concentre-se nisso (que é o que realmente importa) e demonstre essa atenção a quem o ouve, pois tal também é muito importante.

  • Abordar o tema da gaguez abertamente. Se tem dúvidas, exponha-as diretamente e não faça da gaguez um tema tabu ou um “elefante na sala”. Essa relativização vai ajudar a encarar o problema e a lidar normalmente com as pessoas que gaguejam.

Como ficou claro, a gaguez nada tem a ver com as capacidades e competências intelectuais e cognitivas do indivíduo. Porém, é sempre útil recorrer aos serviços de um terapeuta da fala e beneficiar do seu apoio. Portanto, se sente que precisa dessa ajuda ou conhece alguém que pode beneficiar dela, marque já uma consulta através da plataforma de agendamento online doctorino.pt.

Este artigo integra uma parceria com a empresa Doctorino e foi redigido pela redação da mesma.

Ler Mais
Bem-estar

Como Ser Uma Pessoa Grata e Ter Uma Vida Mais Plena

Embora possamos ter a intenção de sermos gratas pelas coisas mais simples...

Bem-estar

O Que é o Namaste e Porque Deve Incluí-lo na Sua Vida

Expressa gratidão de uma alma para outra, é uma saudação carregada de...

Bem-estar

Gratidão: a Chave Para Ser Mais Saudável

Existe um elemento chave capaz de impactar de um modo inacreditavelmente positivo...

Scroll to Top