0
0
Subtotal: 0.00

Nenhum produto no carrinho.

Hidrate-se! Descubra a Importância de Beber Água Diariamente

Estamos todas cientes da importância de beber água para a nossa saúde, principalmente no que diz respeito à manutenção das nossas funções corporais. Contudo, devemos hidratar-nos de dentro para fora não apenas quando sentimos sede.

Esta substância representa a maior parte do nosso peso corporal e está envolvida em muitas funcionalidades importantes, nomeadamente na eliminação de toxinas do organismo, na regulação da temperatura corporal e no correto funcionamento do cérebro.

Benefícios da ingestão de água

É certo que obtemos a maior parte da água através da ingestão de bebidas, mas os alimentos também contribuem sobremaneira nesse processo. Fique a entender alguns dos principais benefícios de beber água diariamente.

Regula a temperatura do corpo.

O nosso corpo perde água através do suor durante a atividade física e em ambientes quentes. A verdade é que o suor mantém o nosso corpo fresco, mas a temperatura do mesmo aumentará se não reabastecermos a água que ele perde. Isto acontece porque o organismo perde eletrólitos quando está desidratado. A solução passa, assim, por beber mais água.

Protege os tecidos e as articulações.

O consumo de água ajuda a lubrificar e a amortecer as articulações e os tecidos, algo que a ajuda a desfrutar das atividades físicas e a diminuir o desconforto criado por determinadas condições físicas, nomeadamente a artrite.

Ajuda a criar saliva.

A água é um componente principal da saliva, que é essencial para manter a boca saudável. Ainda que o nosso corpo geralmente produza saliva suficiente através da ingestão regular de líquidos, esta pode diminuir com a idade ou devido à toma de alguns medicamentos ou terapias.

Ajuda a combater doenças e a aumentar a nossa energia.

Beber água suficiente pode ajudar a prevenir condições médicas como pedras nos rins, prisão de ventre, asma, infeções urinárias, entre outras. Além disso, a ingestão desta bebida pode ativar o metabolismo, algo que pode ter um efeito visivelmente positivo na nossa energia corporal.

Ajuda a maximizar o desempenho físico.

É essencial beber bastante água durante a atividade física, até porque esta substância lubrifica as articulações, contribuindo para um melhor desempenho muscular no dia a dia. Ademais, a hidratação também influencia a nossa força e resistência, sendo, por isso, crucial não esquecer este ponto quando treinamos.

Ajuda na digestão.

É importante manter a ingestão de água para que os movimentos intestinais contenham esta substância em quantidades necessárias. Alguns especialistas confirmam que beber água antes, durante e depois das refeições poderá ajudar o corpo a decompor os alimentos mais facilmente, algo que se traduzirá numa melhor digestão e que permitirá tirar o máximo proveito do que comemos.

Além de ajudar na decomposição dos alimentos, a água também ajuda a dissolver vitaminas, minerais e outros nutrientes dos alimentos, fornecendo os seus componentes vitamínicos ao resto do corpo.

Ajuda a perder peso e melhora a circulação do oxigénio no sangue.

De acordo com o Healthline, beber mais água durante as refeições e o exercício físico pode ajudar a perder alguma gordura extra.

Transportando nutrientes úteis e oxigénio para todo o corpo, a água, quando ingerida diariamente, melhora a circulação desses elementos, algo que tem um impacto muito positivo na nossa saúde geral.

Ajuda a melhorar o humor e a manter a pele luminosa.

Não beber água suficiente também pode afetar o nosso humor, já que a desidratação pode resultar em fadiga e em ansiedade.

Ao mesmo tempo, a ingestão adequada de água ajudará a manter a pele hidratada e poderá promover a produção de colagénio, conferindo à pele um aspeto mais luminoso e hidratado, permitindo que resista mais facilmente ao envelhecimento cutâneo. No entanto, esta ingestão, por si só, não é suficiente para travar os sinais da idade – esse processo também está ligado aos seus genes e à proteção solar.

O PERIGO DA DESIDRATAÇÃO

Quando o corpo não tem água suficiente, acontece a desidratação, algo que afeta consideravelmente as nossas atividades psicomotoras e o nosso sistema cognitivo. Sempre que estamos desidratadas, a nossa capacidade de atenção e de memória diminuem, tal como acontece com o rendimento físico. Contudo, uma desidratação mais grave pode resultar em complicações ainda mais significativas, incluindo a falência renal e o inchaço do cérebro.

Mas, afinal, o que espoleta este problema?

O nosso corpo está constantemente a perder líquidos através de ações como a transpiração. E a desidratação acontece quando ele perde mais água do que aquela que absorve. Os sintomas podem variar – indo desde a sede até à fadiga – e por norma, conseguimos perceber que estamos desidratadas quando não urinamos com tanta frequência ou quando a urina assume um tom escuro.

O superaquecimento, o pensamento confuso, as mudanças de humor e a constipação são também consequências de estado de desidratação, que em casos mais graves pode precisar de ser tratada no hospital.

O que fazer?

Manter-se hidratada vai além da água bebe. Os alimentos representam cerca de 20% das suas necessidades totais de líquidos por dia. Juntamente com a ingestão de 9 a 13 copos de água por dia, tente comer muitas frutas e legumes (melancia, pepinos, espinafres, couve-flor, etc.).

O outro lado: é perigoso beber demasiada água?

Sim, beber muita água também pode causar danos na saúde. Isto porque, quando a bebemos em quantidades superiores às necessárias, a água extra pode diluir os eletrólitos no sangue, diminuindo os níveis de sódio e podendo levar ao chamado estado de hiponatremia, que pode causar dores de cabeça, irritabilidade, náuseas ou cãibras.

QUE QUANTIDADE DE ÁGUA DEVEMOS BEBER POR DIA?

Decerto que já ouviu dizer que deve beber 1,5L de água por dia. Porém, a resposta a esta questão é um pouco mais individualizada e não é assim tão simples. As nossas necessidades de hidratação diárias estão associadas a fatores como a idade, a profissão, o sexo, a temperatura ambiente e o tipo de alimentação. Esteja atenta à cor da sua urina: se estiver límpida e incolor, significa que está hidratada; se estiver escura, deve reforçar a ingestão de líquidos.

De acordo com especialistas da CUF, devemos repor a água que perdemos diariamente (através da urina, da transpiração, da evaporação pela pele e da respiração) por meio de uma ingestão de 2,5L de água por dia para homens adultos e 2L para mulheres adultas, algo também recomendado pela Direção-Geral da Saúde.

Além daquilo que é recomendado, quando se vive em locais de clima quente, quando se tem febre ou se pratica atividades físicas, é crucial que se beba mais água.

DICAS PARA BEBER ÁGUA SUFICIENTE:

Pergunta de um milhão: como ter a certeza de que bebe a quantidade de água diária necessária para o seu organismo? Em primeiro lugar, é importante que se prepare para consumir metade da quantidade recomendada até ao meio-dia; em segundo, ter sempre uma garrafa por perto, para beber quando necessário.

Se precisar de uma ajuda extra para beber água suficiente, tome nota das seguintes dicas:

  • Beba chás e infusões sem açúcar;
  • Trace um objetivo (use um marcador para dividir a sua garrafa de água em metas de consumo ao longo do dia, com horários demarcados);
  • Aromatize as suas águas (associar um sabor – paus de canela, rodelas de limão, hortelã ou frutos vermelhos – à bebida pode ser uma forma de beber com mais prazer);
  • Faça valer-se de uma app para o telemóvel que a relembre de beber água (Water Reminder, Waterbalance, Water Your Body, Hydro ou Plant Nanny são alguns exemplos de aplicações que pode descarregar);
  • Mantenha a água perto de si (não se esqueça de ter a água acessível, na secretária ou mesa de cabeceira, sempre pronta a beber).
Ler Mais
Bem-estar

Aprenda a Olhar Para a Sua Menstruação Sob Uma Perspetiva Holística

Os ciclos menstruais podem variar entre 28 e 34 dias. Durante esse...

Bem-estar

Ervas Medicinais Com Poder Curativo Para a Mulher

Ao longo do ciclo de vida de uma mulher, há uma série...

Saúde

Sofre de Dores de Cabeça? Siga Estas Dicas

Não sabe o que fazer quando tem dores de cabeça? A verdade...

Scroll to Top