0
0
Subtotal: 0.00

Nenhum produto no carrinho.

A Importância de Uma Higiene Íntima Diária

Cada parte do nosso corpo tem a sua própria população de bactérias e fungos. Porém, a nossa zona íntima é mais suscetível ao ataque de microrganismos do que outras zonas. É por isso que manter uma higiene íntima adequada é extremamente importante.⠀ 

Muito embora a vagina esteja projetada para se manter limpa com a ajuda de secreções naturais (corrimento), cuidar da sua saúde diariamente continua a ser imperativo para ajudar a mantê-la em boa forma. Mas qual a melhor maneira de fazer a higiene da zona íntima? E qual a sua importância? É o que tentamos explicar neste artigo. 

Diferença entre vagina e vulva 

Para proceder a uma correta higienização, é importante entender a diferença entre a vulva e a vagina. A vagina é um músculo dentro do corpo da mulher, que vai desde o colo do útero (a abertura do útero) até à abertura vaginal. A vulva, por sua vez, compreende os órgãos sexuais externos, que circundam a abertura vaginal (clitóris, capuz clitoriano e lábios internos e externos). 

Bactérias na vagina 

De acordo com o NHS (Serviço Nacional de Saúde do Reino Unido), existem muitas bactérias dentro da vagina e elas estão lá para protegê-la. 

Características das boas bactérias dentro da vagina:  

  • Superam outras bactérias potencialmente nocivas que podem entrar na vagina; 
  • Ajudam a manter o equilíbrio do pH da vagina num nível uniforme, o que ajuda a manter o equilíbrio das bactérias saudáveis; 
  • Produzem uma substância que impede as bactérias invasoras de aderirem às paredes da vagina, evitando que estas invadam os tecidos. 

Se o pH da vagina aumentar (ficar menos ácido), a qualidade ou a quantidade de lactobacilos (bactérias benéficas) pode cair e outras bactérias podem multiplicar-se. Isto pode resultar em infeções como a vaginose bacteriana, que pode causar sintomas como a irritação e a secreção anormal. 

Causas para possíveis alterações da saúde vaginal: 

  • É uma zona pouco ventilada e em constante contacto com corrimento, urina, menstruação e suor; 
  • Possui uma maior hidratação do que o resto do corpo (maior humidade); 
  • Está sujeita a uma fricção constante, sendo mais suscetível a irritações e infeções. 

Lavagem  

A vagina limpa-se por si só, através das secreções vaginais naturais, mantendo-se saudável e com o equilíbrio correto do seu pH. De acordo com o Healthline, proceder à lavagem da vagina pode ser prejudicial, uma vez que, dessa forma, se eliminam as muitas bactérias boas e necessárias que nela habitam e que têm a função de nos proteger contra as bactérias nocivas.   

Porém, embora não deva higienizar-se dentro da vagina, deverá lavar a vulva diariamente, mantendo limpa, também, a área entre a vagina e o ânus. 

Dicas para proceder à lavagem da vulva: 

  • Usar sabonetes simples e sem perfume, que podem afetar o equilíbrio saudável das bactérias e os níveis de pH na vagina e causar irritação; 
  • Lavar a zona com água morna e, se desejar, usar um sabonete neutro que não irrite a pele; 
  • Abrir os lábios vaginais e limpar suavemente em torno das dobras, usando uma toalha limpa ou as mãos; 
  • Evitar colocar água ou sabão na vagina; 
  • Lavar de frente para trás (higienizar a vulva primeiro e, só depois, o ânus, a fim de evitar que as bactérias deste passem para a vagina). 

Odor 

De acordo com o Healthline, “nenhuma vagina é inodora, nem deveria ser”. As vaginas têm muitos odores possíveis, que podem mudar, dependendo da dieta e do ciclo menstrual. 

Se estiver preocupada com o cheiro da sua vagina, se o cheiro for desagradável ou se estiver a usar produtos perfumados para disfarçar o seu odor, deverá consultar o seu médico, uma vez que poderá ter uma infeção que necessite de tratamento. 

Ser observada regularmente pelo seu ginecologista significa que qualquer alteração anormal no colo do útero pode ser identificada precocemente e, se necessário, tratada de forma a impedir o aparecimento de outras doenças. 

Recomendações para manter a saúde da zona vaginal 
  • Fazer uma higiene íntima diária; 
  • Utilizar um gel de limpeza específico; 
  • Usar roupa pouco apertada; 
  • Usar roupa interior de algodão, que permita a transpiração. 

gel de limpeza diária Cumlaude é suave, tem um pH ácido e é ideal para a higiene diária, detendo propriedades protetoras e higienizantes e sendo específico para mulheres no período fértil. Pode adquiri-lo na loja online da Frederica, bem como outros produtos de saúde íntima e de sexualidade, que poderão ser-lhe muito úteis. Fique a conhecê-los, através desta ligação

Fonte: Healthline   


DESCUBRA OS NOSSOS PRODUTOS DE SAÚDE ÍNTIMA

Ler Mais
Saúde

Infeções Urinárias: Tudo o Que Precisa de Saber Para Combatê-las Durante o Verão

Infeção urinária: um problema que afeta a esmagadora maioria das mulheres, representando...

Bem-estar

A Gravidez e a Preparação do Corpo

A mulher, enquanto ser extraordinário que é, passa por várias transformações físicas...

Bem-estar

O Verdadeiro Significado de TPM (Tensão Pré-Menstrual)

Quando ouve o termo «Tensão Pré-Menstrual», é muito possível que o significado...

Scroll to Top