Plano de Treino Para Toda a Semana

Ver Galeria 3 Fotos
20766
20767
20768

Elásticos de resistência — conhece o termo? Se a resposta for negativa, está na hora de mudarmos tal circunstância, pois o desempenho do objeto de que lhe falaremos é bastante satisfatório para qualquer tipo de treino.

O elástico de resistência é fundamental para nos proporcionar um treino de qualidade, porque nos ajuda a superar qualquer intensidade de possamos precisar. Trata-se de uma ferramenta eficaz para completar a nossa rotina nos dias em que não podemos ir ao ginásio ou simplesmente nos momentos em que não temos especial vontade de exercitar o corpo.

Por norma os elásticos de que lhe falamos assumem diferentes intensidades (leve, média e elevada). Mas, afinal, por que razão deveremos optar por integrá-los na nossa rotina de treino?
O primeiro ponto é o facto de, economicamente falando, este produto que está caracterizado pela sua acessibilidade; em segundo, porque é muito fácil de transportar nos casos em que esteja a planear viajar e em que não tenha a oportunidade de ir ao ginásio (esta ferramenta não ocupará praticamente espaço nenhum na sua bagagem!). Para as que gostam de se exercitar em casa, os elásticos podem também ser bons amigos, já que é possível adaptá-los a qualquer superfície e não precisaremos de um espaço imenso para os podermos utilizar. A melhor parte? Podemos trabalhar todos os nossos grupos musculares.

Se nos últimos tempos tem refletido a tentar encontrar uma solução para ajudar os seus músculos a não estagnar, mais uma vez sublinhamos a importância desta ferramenta. Experimente fazer um treino de bíceps: com pesos na primeira série e com elástico na segunda.

E se ainda não a conseguimos convencer de que esta é, efetivamente, a ferramenta de treino que pode vir a mudar o seu treino e a tornar-se a sua melhor amiga, há que ressaltar a segurança que esta mesma lhe poderá proporcionar, sendo menos agressiva para as articulações. Ao contrário do panorama que observamos quando usamos pesos ou quando optamos por um treino funcional, com o elástico o movimento acaba por não ser tão forçado. Assim, por meio dos elásticos de resistência, qualquer um dos nossos músculos terá oportunidade de se reabilitar e tonificar de um modo gradual e saudável.

Por tudo isto, e porque a equipa da Frederica quer ajudá-la (e motivá-la) para praticar mais e melhor exercício com este utensílio incrível, deixamos-lhe, para começar, três exemplos de exercícios que poderá executar por meio do seu uso. Tome nota.

1º Exercício:

Coloque a fita com a intensidade com que se sentir mais confortável na zona da coxa, acima do joelho. Sempre com a fita esticada criando tensão, realize o agachamento dando pequenos passos na lateral, mantendo sempre a fita esticada sem nunca perder a intensidade. Poderá dar 10 passos para a direito e depois 10 passos para a esquerda. Repita o exercício.

2º Exercício:

Coloque a fita na zona das canelas, com as pernas afastadas à largura dos ombros. Faça uma pequena flexão nos joelhos com as mãos na cintura ou posicionadas para a frente. Com uma das pernas fixas, realize o movimento com abertura lateral mantendo sempre a fita em tensão. Repita o exercício na outra perna de igual forma. Pode fazer 10 repetições para cada lado.

3º Exercício:

Deitada no chão sobre um tapete, colocar a fita na zona dos joelhos de forma confortável. Com o braço que está no chão apoiar a cabeça para não fazer força no pescoço e colocar o outro braço na cintura ou deixá-lo em frente ao corpo. A força terá de vir da zona das pernas. Realize o movimento de abertura deixando sempre tensão na fita. Faça 15 elevações e repita o exercito com a outra perna, virando o corpo para a posição oposta.

Ainda Sem Comentários

Deixe uma resposta

O teu endereço de email não será publicado.