Dicas Para Ter Sucesso Numa Entrevista de Emprego

O despertador toca. São 7 horas da manhã. Daí por uma hora terá uma entrevista de emprego importante. Falhar não é opção… E agora?

Se vai ter uma entrevista de emprego importa preparar-se uns dias antes. Antes de entrar (com o pé direito) na sala onde será entrevistada, existem alguns passos primordiais que não deve descurar, para que consiga superar a prova com sucesso.

A empresa não contrata só a profissional, mas sim o seu histórico de experiências. Para além disso, o seu discurso pode ser encarado como uma verdadeira âncora emocional. Quer saber mais? Continue a ler, temos alguns conselhos para si.

Aprenda a controlar a ansiedade no momento da entrevista.

Dado que esta é uma situação onde estamos sujeitas à avaliação do outro, é natural que se trate de um momento de grande ansiedade. Uma opção plausível é fazer uma simulação de entrevista, treinando o seu discurso e respondendo às perguntas que muito possivelmente lhe serão colocadas. Mesmo que seja a sua primeira entrevista e esta constitua uma situação nova para si, a parte em que falará sobre a sua pessoa, as suas valências e a sua experiência irão transportá-la para uma espécie de porto seguro que diminuirá a sua tensão, já que estará a falar de algo que domina. Controle também a sua respiração: respire com o diafragma, para baixar a pressão e tornar, ao mesmo tempo, os batimentos cardíacos mais lentos, ficando, consequentemente, mais calma. Use estas técnicas ou procure um psicólogo para a ajudar.

Estude a vaga à qual se candidata.

Deve entender a proporção da oportunidade em questão e compreender a posição que vai ocupar na empresa. Entenda o sentido e o contexto da vaga e estude a empresa (a sua atividade e a forma de como se posiciona no mercado). Tente perceber qual o contexto da vaga dentro da empresa e, de acordo com as suas capacidades, faça por absorver ao máximo do que esta se trata, quais os objetivos da empresa e a importância da vaga em questão.

Vá para a entrevista com a noção do desafio.

Existem empresas que, claramente, contratam colaboradores para efetuar um trabalho pouco desafiante, mas que precisa de ser feito por alguém. Porém, uma vez que o objetivo é prepararmo-nos para uma entrevista onde exista uma oportunidade aliciante e que nos desafie, é necessário ter um mindset de “projeto” sempre que nos dirigimos a uma. Tenha um perfil competitivo no mercado, pois se estiver preparada para competir e para tentar entrar na melhor e maior empresa, terá também condições de integrar uma empresa média ou mais pequena.

Perceba o que é atrativo para a empresa à qual se candidata.

O que é que a empresa procura? O que será que a empresa em questão valoriza? Que tipo de experiência a empresa valida? Todas estas questões importam. Prepare-se convenientemente e tente chegar às respostas, para que consiga direcionar o seu discurso baseando-se naquilo que sabe que a empresa valoriza. Dê importância a experiências suas que tenham uma essência semelhante à do cargo para o qual se candidata.

Não entre em detalhes.

Não fale da sua vida pessoal. Deixe claro que os seus compromissos profissionais não serão afetados por questões pessoais. Seja breve no momento em que tem de falar sobre si e não entre em detalhes que não são relevantes para a oferta de emprego em questão (o recrutador não pretende saber tudo o que aconteceu no seu percurso de vida).

Prepare-se para as perguntas mais frequentes.

“Fale-me sobre si”, “Como está o seu inglês?”, “Onde se vê daqui a 10 anos?”, “Porque é que a devemos contratar?”… quem nunca ouviu uma destas perguntas aquando de uma entrevista de emprego? Quando um recrutador nos questiona o porquê de nos dever escolher a nós, por exemplo, é importante termos total noção das nossas competências e inteirarmo-nos da necessidade estratégica da empresa, percebendo quais são as peças chave para executar com sucesso os desafios. Perante o desafio que a empresa pretende lançar é importante declarar e reforçar as suas valências, que servirão para fazer frente a esse mesmo “problema”.  Não fale da responsabilidade: fale da solução. Não é necessário repetir, incessantemente, o seu currículo, mostre sim que consegue estar à altura do desafio, dominando o problema e levando a empresa a bom porto, quem sabe até a um nível superior.

Ainda Sem Comentários

Deixe uma resposta

O teu endereço de email não será publicado.