Alergias Primaveris: Saiba Como Combatê-las

A primavera chegou e com ela trouxe as alergias, para grande desespero de quem sofre deste mal. Apesar de ser uma das estações mais bonitas do ano, abarca imenso pólen e ácaros e é preciso prevenir crises alérgicas para que possa desfrutar dos dias soalheiros.

As alergias são reações naturais do nosso corpo a substâncias exteriores. Quando o pólen entra no sistema de uma pessoa alérgica, o corpo ativa células que libertam histamina, e outros mediadores, desencadeando o aparecimento de reações alérgicas com sintomas muito característicos: espirros, tosse, irritação ocular, sensação de garganta irritada, congestão nasal e vermelhidão e comichão na pele. Quem sofre de asma pode também ter uma sensação constante de cansaço, bem como de falta de ar, uma vez que o pólen pode desencadear o estreitamento das vias respiratórias dificultando assim a passagem de ar.

Para evitar reações alérgicas é importante ter alguns cuidados simples, mas que a podem ajudar a contornar o desconforto que sente, ano após ano, nesta época. Uma vez que o pólen se encontra no ar, tente limitar o tempo que passa ao ar livre, principalmente durante a manhã, pois a contagem de pólen no ar é maior, assim como nos dias mais ventosos. Os dias de chuva são os melhores para quem sofre de alergias, pois limpam o pólen da atmosfera. No entanto, a realidade é que quase todos os dias, ou praticamente todos, é necessário sair de casa, seja para trabalhar, ir para a faculdade ou até mesmo para deixar as crianças na escola. Quando sair de casa utilize sempre óculos de sol, desta forma protegerá mais os seus olhos. Se viajar de carro evite ter as janelas abertas e se se deslocar de mota utilize um capacete integral.

Em casa também é necessário alguma atenção. Tente manter ao máximo a casa livre de pó. Aspire regularmente os sofás e os colchões, evite ter alcatifas, areje a casa apenas ao final do dia e mantenha a casa bem ventilada. Caso tenha animais de estimação de pelo longo, evite dormir com eles, pois o pólen também se acumula no pelo dos nossos melhores amigos.

Assim que chegue a casa evite andar com a roupa que trouxe da rua, que contém vestígios de pólen. Também é importante tomar banho à noite, lavando bem o cabelo, evitando assim levar pólen para os lençóis da cama.

Se for fumadora evite fumar nestas alturas ou pelo menos tente reduzir. O tabagismo, tanto ativo como passivo, aumenta o risco de desenvolver alergias, bem como pode provocar crises alérgicas.

Apesar de ser uma situação recorrente que afeta milhares de pessoas em todo o planeta, as alergias não devem ser desvalorizadas, uma vez que podem promover quadros clínicos crónicos. Esteja atenta aos sintomas e consulte um imunoalergologista, um médico especialista em alergias. Após o diagnóstico, saberá como aliviar o desconforto causado pelas alergias. Tem a opção de sprays nasais antialérgicos, anti-histamínicos não sedativos e até vacinas antialérgicas, mas lembre-se de que é muito importante recorrer primeiro a um profissional para saber qual o tratamento mais aconselhado.

Ainda Sem Comentários

Deixe uma resposta

O teu endereço de email não será publicado.