Não Consegue Poupar? Siga as Nossas Dicas!

Poupar nem sempre é fácil. Todos temos aquele amigo ou colega de trabalho que todos os meses quase consegue pôr mais dinheiro de parte do que aquele que gasta. Em geral, costuma também ser a este amigo que chamamos “agarrado” ou “cortes”. Isto porque este tipo de pessoa raramente gasta dinheiro sem pensar, rejeitando uma vida de grandes luxos e, por consequência, deixando de estar presente nas várias saídas que se vão organizando durante o mês (jantares, almoços de escritório, entre outros).

Se é daquelas pessoas que inveja este tipo de amigo e gostava de ter algum dinheiro de parte mas chega ao fim do mês sem conseguir poupar, este artigo foi feito a pensar em si.

Reunimos algumas dicas para que, aos poucos, consiga fazer a sua “vaquinha” crescer.

 

Compre um mealheiro.

Esta é talvez a dica mais importante que lhe podemos dar. Compre um mealheiro que não dê para abrir com facilidade e comprometa-se consigo mesma a separar uma quantia por semana. Abra-o só quando sentir que já conseguiu juntar bastante dinheiro e o quer usar em algo para que trabalhou durante muito tempo.

Faça a sua marmita.

Esta é, de certeza, uma técnica usada pelo seu colega de trabalho de que lhe falámos em cima. Desista da ideia de almoçar fora quase todos os dias da semana e faça o seu próprio almoço! Se não tem paciência para estar a preparar tudo de propósito para o dia seguinte, quando fizer o jantar, faça logo a mais, para chegar para a próxima refeição.

Crie uma lista das despesas.

No início de cada mês, aponte todas as despesas que tem e o valor de cada uma delas. Quando já tiver organizado na sua cabeça as coisas que tem de pagar, no decorrer do mês tente não se desviar muito dessas despesas e gastar dinheiro noutras coisas.

Evite beber café fora de casa.

Se gosta de café, sabemos que esta dica é das mais difíceis de seguir. Beba o café que toma de manhã, em casa. Durante o dia, não se deixe levar por aqueles impulsos de parar em qualquer lado e beber um café quando, às vezes, nem lhe apetece. Um café custa aproximadamente 0,65. Faça as contas e, no final de cada semana, repare no dinheiro que anda a gastar em cafés fora de casa.

Traga pouco dinheiro consigo.

Quanto mais temos mais gastamos e quanto mais dinheiro temos em mão, mais fácil se torna gastá-lo em coisas que, na maioria das vezes, nem precisamos. Ande com pouco dinheiro levantado, vai ser uma boa ajuda na altura em que o seu lado mais consumista chamar por si.

Deixe o carro em casa.

Quem tem carro sabe o dinheiro que se gasta em gasolina, parquímetros, etc. Bicicletas, trotinetes… hoje em dia, não faltam opções baratas (e divertidas!) para se deslocar. Deixe o seu carro na garagem e usufrua dele só ao fim de semana. A sua carteira vai agradecer!

Esteja atenta às promoções da semana.

Todos os supermercados têm promoções semanais em vários produtos, é uma questão de ir olhando para os folhetos que lhe chegam na caixa do correio, ou até online. Aproveitar os descontos, os cupões e até os cartões do supermercado, ao fim do mês faz muita diferença na nossa conta.

Elimine vícios.

Se é fumadora ou tem qualquer outro vício, sabe que esta é a dica mais óbvia mas também a mais difícil. Claro que, se tem um vício, sabemos o quão complicado é deixá-lo. Mas, aos poucos, vai chegar lá! Comece por reduzir e veja o impacto que a mudança vai ter na sua conta logo no fim da primeira semana.

 

 

 

 

Ainda Sem Comentários

Deixe uma resposta

O teu endereço de email não será publicado.