Os Melhores Gelados do Verão

Um truque para comer um gelado no verão é fazer aquilo a que chamamos de “smart choice”. O gelado não deve ser um extra depois de ter comido tudo a que tem direito. O ideal é usá-lo para substituir o snack que faz, principalmente se está habituado a lanchar um bolo de pastelaria. A diferença pode ser o facto de passar das 300kcal do queque para  as 95kcal do Solero.

O truque ideal? Antes do gelado coma alguma coisa com fibra (uma peça de fruta, uma cenoura ou uma tosta integral).

Claro que não é para trocar o lanche todos os dias por um gelado, mas pode fazê-lo entre duas a três vezes por semana.

Os gelados caseiros, ou os clássicos gelados de bola (se forem de qualidade) terão à partida mais fruta e menos corantes que os gelados de pau. Todavia, como às vezes também apetece um gelado quando se está na rua, aqui ficam as indicações dos gelados que não só têm as calorias aceitáveis mas que também têm a melhor composição nutricional. Sim, porque a lista de ingredientes é mais importante do que a tabela de nutrientes.

Aqui têm sugestões que possuem menos de 100kcal e que têm na sua composição uma grande quantidade de água e de leite:

Olá: MiniMilk, Fizz Limão, Solero e Calipo de Morango.

Nestlé: Nesquik leite, Nesquik chocolate, Pirulo Jungly, Pirulo Bazooka.

Nos gelados de bola, a melhor solução para o seu lanche será um frozen yogurt ou um gelado de fruta que contém leite/nata e deixar o sorvete para a sobremesa.

Bom Verão!

Ainda Sem Comentários

Comentários fechados